Em entrevista, Rony fala sobre o Palmeiras e da vontade de jogar pela seleção

Em entrevista à TV Bandeirantes, o atacante Rony  contou as experiências de seus primeiros meses no Palmeiras, além de falar também sobre o sonho de defender a Seleção Brasileira.

Publicidade

“Quando eu cheguei no Palmeiras os jogadores me trataram super bem. Eu já tinha atuado com um jogador que foi o Raphael Veiga. Ele me apresentou a estrutura do clube, ficou do meu lado e me ajudou a conhecer o restante da equipe. O Veiga me ajudou muito nesse quesito”, disse o atacante.

Mesmo com pouco tempo, Rony já passou a integrar a equipe titular. A sua chegada, inclusive, fez com que Luxa alterasse o posicionamento de alguns atletas do ataque. Dudu, por exemplo, começou a atuar mais centralizado, construindo as jogadas.

Rony diz que ficou surpreso com a titularidade imediata e também fez menção ao posicionamento dos atacantes: “Quando eu cheguei no Palmeiras falei que iria trabalhar para conquistar o meu espaço. Não tinha a expectativa de já entrar como titular”.

“Ali na frente a gente não tem posição fixa. Cada um procura se movimentar da melhor maneira possível. O professor pede para a gente se movimentar bastante e não ficar parado do mesmo lado, porque assim é mais fácil dos adversários marcarem a gente”, explicou o atacante.

Pra finalizar, Rony contou sobre a expectativa de vestir a camisa da Seleção Brasileira: “A gente sabe que todos jogadores querem uma oportunidade pra estar na seleção, eu não sou diferente. Vou procurar dar meu melhor sempre e, quando a oportunidade um dia pintar, vou estar pronto, preparado e mentalmente forte para defender a camisa do Brasil”.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo