Getafe sinaliza Palmeiras de que não renovará o empréstimo de Deyverson

O Getafe sinalizou que não renovará o contrato de empréstimo de Deyverson. O clube espanhol alegou dificuldades decorrentes da crise financeira causada pela pandemia da Covid-19 e encerrou às negociações. O atacante já não foi relacionado para a partida desta terça-feira, dia 23/06, contra o Valladolid.

Publicidade

Segundo o Verdão, a situação do atacante poderá ser definida ainda ao longo desta semana. O contrato de empréstimo com o Getafe vence em 30 de junho, terça-feira da próxima semana.

Apesar da decisão do clube espanhol de não prolongar o empréstimo, como se discutia anteriormente, isso não significa que o atacante voltará a vestir a camisa do Palmeiras. Há a possibilidade do clube e o empresário do atleta encontrarem um novo destino para o jogador.

Meta para compra não foi batida

O Getafe só teria a obrigação de comprar Deyverson se ele marcasse nove gols e disputasse mais de 50% de jogos, metas que foram prejudicadas pela paralisação dos campeonatos.

Neste cenário, o clube espanhol compraria em definitivo os 70% dos direitos econômicos que pertencem ao Verdão pelo valor de 6 milhões de euros (na cotação atual, cerca de R$ 35 milhões).

O atacante tem contrato com o Palmeiras até junho de 2022. Ele foi contratado em 2017 junto ao levante da Espanha, com aporte da Crefisa por 5 milhões de euros (aproximadamente R$ 19 milhões, na época).

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo